Energia eólica e aerogeradores

Neste apanhado que temos vindo a realizar sobre as principais formas de energia renovável, chegou a vez de uma das mais promissoras e simultaneamente mais explorada em Portugal – a energia eólica. A energia eólica representa o aproveitamento da energia cinética do vento para produzir energia mecânica pela rotação das pás, que pode a seguir ser transformada em energia eléctrica por um gerador eléctrico.

Actualmente, a energia eólica é cada vez mais utilizada para produzir electricidade, seja para utilização local descentralizada, por exemplo em lugares isolados, seja em grandes parques eólicos constituídos por vários aerogeradores ligados à rede eléctrica.

Um aerogerador tal como o nome indica é um gerador elétrico integrado ao eixo de um cata-vento e que converte energia eólica em energia elétrica. É um equipamento que tem se popularizado rapidamente por ser uma fonte de energia renovável e não poluente.

 

Vantagens da energia eólica

As vantagens da energia eólica são várias. Pretendemos elencar abaixo os principais benefícios que advêm da utilização desta energia renovável.

  • A energia eólica é inesgotável;
  • A energia eólica não emite gases poluentes nem gera resíduos;
  • A energia eólica diminui a emissão de gases de efeito de estufa (GEE);
  • Os aerogeradores não necessitam de abastecimento de combustível e requerem escassa manutenção, uma vez que só se procede à sua revisão em cada seis meses;
  • Excelente rentabilidade do investimento.
  • Em menos de seis meses, o aerogerador recupera a energia gasta com o seu fabrico, instalação e manutenção – uma grande vantagem em relação por exemplo aos painéis solares.


O anfitrião do Microgeração de Energia. Alguém interessado nas Energias Renováveis e na sustentabilidade energética.

Ainda sem comentários.

Deixe um comentário