Peletes: Biomassa para aquecimento

Os peletes são feitas de pó de madeira, ou seja, de serrim e com pedaços de madeira totalmente natural. O material é comprimido a uma pressão de tal forma alta, que não é sequer necessária a adição de qualquer agente químico ou sintético para uma melhor compactação dos granulados de madeira.

Existe mesmo uma norma para regulamentar a produção de peletes, a que qualquer consumidor consciente e esclarecido deve estar atento – a norma DIN51731.

Como fonte de energia renovável, mais concretamente energia de biomassa, os peletes são perfeitamente seguros e não poluentes.

Os peletes para aquecimento têm uma enorme vantagem em relação a outras formas de energia, não fossem eles considerados uma energia limpa. Constate-se por exemplo, a grande vantagem, para além de todas as de carácter ambiental, que é contar com a utilização de um material, que ocupa uma espaço significativamente mais reduzido que o espaço que tanques de gasóleo ocupam.

Para ter uma pequena noção, mil litros de gasóleo ou mil metros cúbicos de gás, equivalem precisamente a dois mil kg de peletes ou apenas três metros cúbicos deste granulados de madeira.


O anfitrião do Microgeração de Energia. Alguém interessado nas Energias Renováveis e na sustentabilidade energética.

Ainda sem comentários.

Deixe um comentário